Artigo
Fotos
Vídeos
Zinco-carnosina: combate a H. pylori e protege o sistema gastrointestinal
09/01/2023

O zinco-carnosina é um suplemente especial que protege o estômago e todo o aparelho digestivo de vários tipos de agressão.

Alguns fatores são determinantes para "destruir" o aparelho digestivo, como a má alimentação, bebidas alcoólicas, açucaradas e ácidas.

Além disso, a exposição a produtos químicos agressivos, compostos alimentares, bactérias e fungos também pode danificar o revestimento do sistema gastrointestinal.

Quando isso acontece, provavelmente você irá sofrer com problemas digestivos e intestinais.

Mas, se você precisa de um tratamento que não interfira nos processos digestivos normais ou na absorção de nutrientes, pode experimentar o zinco-carnosina.

Trata-se de um suplemento nutricional que ajuda a estabilizar e a proteger o revestimento da mucosa intestinal e gástrica.

Também promove alívio dos desconfortos gástricos leves, como inchaço, dor de estômago, azia e náuseas. 

O zinco e a carnosina são dois nutrientes diferentes, mas juntos e combinados eles podem proporcionar ainda mais benefícios.

Nesse caso, em específico, o complexo possui efeitos excelentes que ajudam ainda mais a função gastrointestinal.

O zinco, além de aumentar a imunidade, participa de vários processos enzimáticos, estruturais e regulatórios no organismo.

A carnosina é formada por betalanina e histidina, dois aminoácidos com ação antioxidante e efeito protetor na cicatrização de feridas. 

Neste contexto, vários estudos mostram que a união do zinco com a carnosina exerce um efeito sinérgico na proteção do sistema gastrointestinal.

Confira seus benefícios:

Combate a bactéria H. pylori

A bactéria H. pylori prejudica o funcionamento da membrana da mucosa do estômago, fazendo com que os ácidos entrem em contato com a parede estomacal.

Dessa forma, provoca a chamadas úlceras gástricas, um tipo de ferida que se forma no tecido que reveste o estômago.

Geralmente se usa antiácidos e/ou bloqueadores H2 associados a antibióticos para combater a infecção e o excesso de ácido no estômago.

Mas, além disso, o complexo zinco-carnosina também ajuda a combater a infecção por H. pylori, além de proteger a mucosa estomacal.

De acordo com  estudo da Universidade de Sargodha, no Paquistão, o zinco sufoca diretamente o crescimento da H. pylori.

Também inibe a atividade da urease, uma enzima produzida pela bactéria que faz ela se proliferar.

Ainda, segundo  estudo publicado pelo Applied Nutritional Science Reports, o complexo zinco-carnosina pode erradicar quase por completo a H. pylori.

Diminui a inflamação intestinal

Alguns distúrbios digestivos, certos alimentos (intolerância ao glúten), álcool e medicamentos provocam a inflamação e irritação no trato gastrointestinal.

Mas estudos comprovam que o zinco-carnosina ajuda a prevenir e a tratar a inflamação causada pelo álcool e as lesões por medicamentos.

Os benefícios foram demonstrados em dois estudos: da  Universidade da Cidade de Osaka (álcool) e da  Universidade de Hiroshima (medicamentos).  

Ainda, conforme  estudo da Universidade Dokkyo, o zinco-carnosina interrompe a produção e secreção de citocinas que causam inflamação nas células estomacais.

Melhora o dano intestinal induzido pelo exercício

Exercícios de alta intensidade, na maioria das vezes, podem sobrecarregar o organismo de diferentes formas.

Por exemplo, maratonistas, triatletas e corredores possuem um risco maior de desenvolver doenças respiratórias agudas graves e problemas intestinais.

Os principais sintomas gastrointestinais relatados em atletas são cólicas,diarreia, náusea, sangramento e alteração na permeabilidade intestinal.

Mas um  estudo da Universidade de Kent, no Reino Unido, mostrou que o uso de zinco-carnosina é benéfico no suporte à resistência epitelial pós-exercício.

Mantém o revestimento intestinal saudável

Manter um revestimento intestinal saudável é fundamental para a função ideal da barreira intestinal.

O suplemento de zinco-carnosina pode desempenhar um papel importante na manutenção da saúde do revestimento intestinal. 

Segundo um  estudo italiano, da Universidade de Pádua, o suplemento ajudou a manter a barreira intestinal, a cicatrização de feridas e a imunidade.

Protege as células gástricas

Os radicais livres presentes no organismo podem provocar a oxidação das células do estômago.

Felizmente, conforme  estudo do Colégio Imperial de Londres, o suplemento de zinco-carnosina  tem ação antioxidante.

Dessa forma, evita os danos causados pelos radicais livres nas células, protegendo contra diversos problemas oxidativos, inclusive gastrite.

Combate a colite ulcerativa

A colite ulcerativa é uma doença inflamatória que afeta o intestino grosso (cólon), provocando pequenas feridas, dor e secreção (pus) no revestimento do cólon.

Em um  estudo da Universidade de Jikei, no Japão, o zinco-carnosina mostrou-se eficaz contra a colite ulcerativa, melhorando a inflamação.

Previne a mucosite oral

A mucosite oral é uma inflamação dolorosa e ulceração das membranas mucosas que revestem o trato digestivo.

A doença ocorre em pacientes portadores de câncer e que fazem o tratamento por meio de quimioterapia e radioterapia.

Mas um  estudo japonês do Hospital Universitário de Gifu demonstrou que um enxaguante bucal com zinco e carnosina reduz as taxas de incidência de mucosite.

Além disso, também auxilia no alívio da dor, os distúrbios de paladar, a xerostomia (sensação de boca seca) e, por fim, pode ajudar os pacientes a comerem melhor.

Melhora úlceras

O suplemento de zinco-carnosina exerce um efeito sinérgico sobre a mucosa gástrica, acelerando a cicatrização de úlceras.

Esse benefício foi constatado em um  estudo japonês realizado com ratos na Universidade Meijo.

Modo de usar o suplemento zinco-carnosina

Antes de iniciar o consumo, consulte um médico para receber orientações quanto ao tempo de tratamento, quantidade do suplemento e se é o medicamento adequado para seu caso.

Tome uma cápsula pela manhã e à noite, com um copo de água e com o estômago vazio.

Em alguns raros casos, você pode apresentar efeitos colaterais comuns como indigestão, dor de estômago e náusea, que requer atenção médica.

5 coisas que os homens fazem escondidos, mas que jamais dirão; a 3ª dá nojo
10/01/2023
Idosa quase entra em pânico por sentir tanta coceira, vai ao médico e descobre algo muito assustador; VEJA O VÍDEO:
22/01/2022
10 Sinais de câncer que a maioria das mulheres não ligam mas são mortais
10/01/2023
Os médicos imploram fazendo triste alerta: Se você lava o ARROZ antes de cozinhar, deve parar isso com urgência!
22/04/2022
Entenda por que é totalmente errado lavar o arroz antes de cozinhar; NUNCA mais faça isso
10/01/2023
10 Sinais de câncer que a maioria das mulheres não ligam mas são mortais
13/04/2022
Antes de você sofrer um AVC o seu corpo vai dar os seguintes sinais preste atenção, fique atento a esses sintomas
10/01/2023
Entenda como remédios usados por Paulinha Abelha para emagrecer causam doenças mortais, Video
24/02/2022
6 cuidados importantes para acabar com o mau cheiro na região íntima da mulher
10/01/2023
Esse bichinho feio vive em seu corpo e você ao saber em qual lugar ficará chocado
23/05/2022
Fotos
Artigo
Vídeos